... Julgo que depois destes malabarismos, os currículos das pessoas com funções políticas activas com o propósito de praticar o bem comum de uma nação, devem ser exigidos e publicados em Diário da Republica para qualquer cidadão poder consultar e certificar-se das habilitações de cada politico. Não deve ser uma opção, mas uma condição contemplada numa lei própria para o efeito, pois como sabemos, nenhum trabalhador é admitido numa função numa empresa, sem referências e/ou curriculo académico/profissional. será verdade que o PS está "calado" neste caso da licenciatura de M. Relvas porque o Irmão Maçon António Seguro dos Bancos (da Universidade Lusófona) foi um dos professores envolvido no processo?...

Solução Crise Social e Desemprego: Resposta Econóomica Mercados de Escravos do Fascismo Global A Nova Escravidão! Empresas de Recrutamento Exigem Dados de Acesso á Conta do Facebook



Escravo sendo chicoteado; praça; bolsa; mercado de escravos; Escravo; desemprego, Crise económica, emprego
Escravo sendo chicoteado na praça
bolsa do mercado de escravos

Mercado de Escravos do Fascismo Global: Emprego A Nova Escravidão, o Feudalismo dos tempos modernos! Em tempos de crise económica e social, nos EUA há empresas a pedirem a palavra-passe do Facebook aos candidatos


As redes sociais são já hoje utilizadas por empresas de recrutamento, que visitam os perfis do Facebook dos candidatos como forma de os conhecer melhor, de uma maneira mais intima... até aqui tudo bem...

Até há cerca de 200 anos atrás, "avaliavam-se as bestas".



Os pobres escravos acorrentados, eram levados pelos negreiros até á bolsa de valores da altura, uma espécie de praça onde se reuniam os mercados da época. Ali, no meio de uma assembleia de dos mercados especuladores, banqueiros, bem sucedidos empresários, destacados elementos da igreja, políticos, ali eram avaliados os "animais" acorrentados. Ás pobres vítimas, os negreiros retiravam-lhes as tangas, se ainda as tinham, e num cenário de um quadro de Leonardo da Vinci "Adão e Eva" no inferno, dava inicio ao arranque de mais uma sessão da bolsa de valores de Tokyo-Berlim-Paris-Londres-Lisboa-Nova-York, numa cidade perto de si. Ali, no meio de pessoas que se dizem "pessoas de bem", uma seita de criminosos que comete crimes contra a humanidade, se organizava a assembleia.

Hoje, em 2012, somos governados por corruptos e criminosos, debaixo de um sistema assassino económico bipartido franco-maçom zionista, controlado pelos fariseus e saduceus que atravéz da corrupção das parcerias público-privadas com vista ás privatizações, empuram o mundo para a escravidão do défice da precariedade e do trabalho temporário, uma verdadeira revolução do capital, permitindo todo o tipo de liberdades por parte dos senhores feudais dos tempos modernos, que leva a que "quem não tenha a marca da besta não compre nem venda", nem trabalhe. O Sistema Político Maçónico Bilderberg Trilateral obriga a que todos tenham de estar debaixo da criminosa ditadura dos mercados do capital especulador da máfia da banca internacional.. Esse, é o objectivo das políticas de austeridade que levam ao desemprego e precariedade.

Com o aumento do desemprego e precariedade, aumentam os abusos ditatoriais (passado nAlemanha, uma jovem alemã que recusa ser prostituta e que perde o subsídio de desemprego), e aumentam os requisitos criminosos de contratação desta sociedade neo-esclavagista. A somar a relatos de abusos contra o trabalhador, inclusive de mulheres que são perversamente aliciadas pelos patrões criminosos à execução de favores sexuais para manter o trabalho, surge agora mais este de cada vez á maior existem cada vez mais casos em que empresas criminosas que chegam ao cúmulo de pedir aos funcionários a palavra-passe de acesso à rede, algo que o próprio Facebook tinha que recriminar, fá-lo e e até ameaça com a justiça.

A evolução da tecnologia fez o mundo evoluir, e a Internet, principalmente, tornou hoje em dia muito difícil, se não mesmo quase impossível, qualquer pessoa conseguir passar despercebido na rede, principalmente se tiver perfis criados nas mais variadas redes sociais. Neste caso a que está envolvida é a maior – o Facebook.


Nos EUA, há cada vez mais queixas de pessoas contra empresas de recrutamento, por estas lhes exigirem os dados de acesso à conta do Facebook. Mesmo sendo uma prática que não não está prevista na lei, a verdade é que viola completamente os direitos de privacidade, inclusive os satements de conta.


Justin Bassett é um dos candidatos que decidiu tornar o seu caso público, após ter recusado fornecer os dados de acesso ao seu Facebook, numa entrevista de emprego. Neste caso, Justin desistiu da candidatura mas segundo o norte-americano, o mesmo pode não ser feito por outras pessoas: “A pressão de arranjar um emprego pode fazer com que outros forneçam os dados”, afirma o nova iorquino.

O Facebook, a nível da plataforma, pouco pode fazer visto que não consegue saber quem está a fazer o login. Contudo, e a partir de uma nota publicada no blogue da rede social, os responsáveis da rede social condenam esta prática cada vez mais comum: “Não devem nunca fornecer os vossos dados de acesso a terceiros”, pode ler-se numa mensagem publicada por Erin Egan, responsável pela privacidade do Facebook.

Os responsáveis pelo Facebook, a maior rede social do mundo dizem estar ainda atentos, para eventualmente um dia avançarem com processos na justiça contra empresas que pratiquem este tipo de abusos perante os candidatos.


O Facebook é a maior rede social do mundo e deverá atingir os mil milhões de utilizadores registados ainda durante este ano, o que faz com que qualquer um de nós possa se encontrar nas bases de dados dessa canalha..

Nós condenamos veementemente todo e qualquer tipo de abusos, e a menos que o povo se revolte contra esta sociedade Neo-Esclavagista, este será apenas o inicio de algo que dento de pouco tempo poderá levar a que um candidato a um emprego precário, tenha que fazer a avaliação em nú integral.

Movimento Sem Emprego MSE

25 de Abril Manifestação Geral Contra o Sistema


 

Cordiais saudações Revolucionárias! Viva a Islândia!


Rob Bank

Write About Or Link To This Post On Your Blog - Easy Links :
Link Directly To This Post :

Link To The Homepage :

Sem comentários:

Enviar um comentário

Os comentários são livres, portanto não expressam necessariamente a opinião do blog.
Usem-no com sapiência, respeito com os demais e fiquem a vontade.
A Administração do Website

Revolta Total Global Democracia Real Já

Democracia Real Ya
Saiba Quem Manda nas Agências de Rating
Saiba Como Funcionam, a Quem Benificiam e Servem os Ratings das Agências de Notação Financeira; Conheça a Moody's

Occupy The Banks

Conheça Dívida Soberana das Nações e o Império do Fundo Monetário Internacional FMI

World Revolution For Real Democracy Now
Conheça os Estatutos do FMI; Direito Especial de Saque Incluido

Take The Square

Occupy Everything

Tomem as Praças
Saiba Porque não Falam na Islândia

Recent Posts

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...