... Julgo que depois destes malabarismos, os currículos das pessoas com funções políticas activas com o propósito de praticar o bem comum de uma nação, devem ser exigidos e publicados em Diário da Republica para qualquer cidadão poder consultar e certificar-se das habilitações de cada politico. Não deve ser uma opção, mas uma condição contemplada numa lei própria para o efeito, pois como sabemos, nenhum trabalhador é admitido numa função numa empresa, sem referências e/ou curriculo académico/profissional. será verdade que o PS está "calado" neste caso da licenciatura de M. Relvas porque o Irmão Maçon António Seguro dos Bancos (da Universidade Lusófona) foi um dos professores envolvido no processo?...

Portugal NÃO Deve Pagar A Dívida! Pedro Nuno Santos á Rádio Paivense FM: Temos Bomba Atómica Contra Alemães e Franceses! Manuel Alegre Apoia!



Pedro Nuno Santos, vice-presidente do Grupo Parlamentar do PS, defendeu sábado à noite, em Castelo de Paiva, que Portugal devia ameaçar deixar de pagar a dívida nacional.

"Nós temos uma bomba atómica que podemos usar na cara dos alemães e franceses - ou os senhores se põem finos ou nós não pagamos. As pernas dos banqueiros alemães até tremem", disse na altura em declarações captadas pela Rádio Paivense FM e retransmitidas hoje pela Renascença.

Confrontado com o teor desta posição, Manuel Alegre defendeu Pedro Nuno Santos e  recusou à agência Lusa que se esteja perante "um escândalo" político.

"Pelo contrário, acho que estamos muito de joelhos e é uma questão de dignidade dar um grito de alma. Portugal deve tentar pagar a dívida, mas não deve aceitar estar de joelhos, transformando-se numa colónia dos bancos alemães e da Alemanha", disse.

O ex-candidato presidencial Manuel Alegre saiu hoje em defesa das controversas declarações proferidas pelo dirigente socialista Pedro Nuno Santos sobre pagamento da dívida, dizendo que irresponsabilidade "é o servilismo e seguidismo" face ao actual projecto da Alemanha. (Oiça em cima as declarações de Pedro Nuno Santos à Radio Paivense).

Paivense FM Informação - Pedro Nuno Santos by PaivenseFM

Para Manuel Alegre, "a Alemanha parece ter de novo um projecto imperial".

Write About Or Link To This Post On Your Blog - Easy Links :
Link Directly To This Post :

Link To The Homepage :

Revoluçã Já! Governo Quer Privatizar Segurança Social, Entregar Portugal aos Bancos! Escravizar Portugueses!



Governo trabalha na privatização da Segurança Social


Pedro Mota Soares, Ministro do Governo dos Gatunos dos Bancos ensaia as primeiras regras de um novo regime para explorar as classes mais baixas, para reduzir os portugueses á miserável condição de escravos e entregar tudo aos patrões banqueiros .

Fim da Segurança Social

Debate vai começar

É oficial: a reforma na Segurança Social vai avançar e os privados vão ter a porta aberta.

Paulo Macedo UM BANQUEIRO NA SAÚDE
O governo dos bancos, do Testa de Ferro  Passos Coelho, pela voz do ministro da Anti-Solidariedade e da Anti-Segurança Social, voltou ontem a introduzir a discussão de um tecto máximo nas contribuições e nas pensões, conhecido como plafonamento e que consiste numa primeira fase, na privatização parcial do sistema público da Previdência.

Pedro Mota Soares confirmou a adopção de um novo regime, sem especificar quando entrará em vigor. Apesar de a reforma da Segurança Social carecer ainda de estudos e debates públicos, o ministro deixou algumas pistas: Inicialmelmente “Só vai abranger as gerações futuras”, depois levam todos pela medida grossa. Os bancos têm que ter lucro.
Paulo Portas Submarinos O Polvo

Inicialmente, "a reforma é dirigida aos mais jovens, aos trabalhadores que ainda não entraram no mercado de trabalho ou àqueles que fazem descontos para a Segurança Social há pouco tempo”, avançou Pedro Mota Soares, à margem do fórum ‘Poupança, Pensões e Reformas, organizado pelo “Correio da Manhã”.

Vitor Gaspar e Passos Coelho Riem como doidos na votação do orçamento de Estado

Apseudo Oposição - Antonio José Seguro Maçonaria


Fontes não oficiaisn confirmaram-nos que a reforma, vái avançar de forma brutal e avassaladora, não vai deixar deixar ninguém de fora “os trabalhadores que têm carreiras contributivas mais longas”, safam-se na primeira fase, mas até finais de 2013 tem de estar tudo arrumado.
O responsável pela pasta da Segurança Social mente descaradamente. Em termos práticos, parte das contribuições serão obrigatoriamente mantidas no sistema público para que sejam os contribuintes a arcar com o financiamento dos bancos. A partir de determinado montante cabe aos trabalhadores optar por fazer descontos complementares, sobre a parte remanescente, para um sistema “público, mutualista ou privado”, o que vái implicar a que os maiores descontos fujam, e consequentemente que as reformas passem a ser ainda mais miseráveis, ATÉ Á EXTINÇÃO TOTAL.
Curriculo de Passos Coelho também aqui

Passos Coelho e José Socrates Irmãos Gémeos á Entrada do último debate antes das eleições


Portugal Paraiso Criminal



"Para o PSD, o actual modelo de Segurança Social sempre esteve necessariamente condenado ao fracasso."

SENDO ASSIM, SE DÁ PREJUIZO, PORQUE RAZÃO INTERESSA TANTO AOS BANCOS?


As pistas deixadas ontem por Mota Soares vão ao encontro das ambições dos Banqueiros.

No período de transição de regimes, os cofres da Segurança Social deixariam de receber a totalidade dos descontos, pelo que seria necessário transferir verbas para garantir o pagamento integral das pensões. Para isso, a solução defendida pelos sociais-democratas apontava para a emissão de dívida pública. Mais EMISSÃO DE DÍVIDA PÚBLICA, mais um prejuízo de se terr recorrer ao Fundo de Estabilização Financeira.

Esta proposta é um “Titanic”, um “barco que se vai afundar”. Bloco, Verdes e PCP estão contra e o PS volta a criticar as declarações de Pedro Mota Soares e acusa o actual governo de querer “dividir o país em dois”.


P.S. Este ministro é o tal que ia ir de scooter para o ministério para poupar... Dias depois comprou COM O NOSSO DINHEIRO, DOS IMPOSTOS, um carro de 80.000,00 EUROS

Pedro Mota Soares Teso de Scooter Sem Dinheiro Para Comprar Carro

Pedro Mota Soares Ministro Compra Carro Milionário Com Dinheiro Do Estado





Ultimas Observações

Há uma expressão usada até à exaustão por determinada facção radical da política, agora no governo:

 "o estado não tem vocação para gerir", isto e aquilo, e que é atirada para o ar de forma irresponsável, infantil e incompetente, por quem devia conhecer os assuntos e preocupar-se a fundo com temas tão essenciais para o futuro do país. Se o estado não tem capacidade para gerir, quais são as provas de que os privados terão, para gerir - melhor???

É disso que se trata, de ter um termo de comparação para afirmação tão gratuita. Trata-se de uma experiência de engenharia social??

Pois eu apresento as provas: têm à vista de todos o sistema americano, uma sociedade em decomposição, cuja amplitude é estranhamente esquecida na comunicação social. Os EUA têm, por exemplo, neste momento, níveis de desigualdade já superiores aos da grande depressão, estando a população dependente de "food stamps" (não dependente de uma segurança social solidária, mas de um autêntico recurso de miséria) aumentado de forma fabulosa na última década.

Há milhões e milhões de americanos absolutamente miseráveis, e cada vez mais. E há muitas mais provas deste fracasso da "gestão" da segurança social por privados, ou seja, por entidades absolutamente desinteressadas na solideriedade e segurança social (!!) mas apostadas unicamente em jogar com os recursos dos outros - de quem descontou - de forma irresponsável e criminosa. Sr. DR. Pedro Audi Soares: tenha vergonha nessa cara se faz favor.

Privatização da Segurança Social. Aqui está um termo que é uma contradição! Se há alguma coisa que deve levar os portugueses para a rua e pegar fogo a bancos, é isto.

OS GAJOS CHUPAM-NOS O SANGUE!

SÃO HOMENS E MULHERES?

OU SÃO ESCRAVOS?

 INDIGNEM-SE PORRA!

REVOLUÇÃO JÁ!

Write About Or Link To This Post On Your Blog - Easy Links :
Link Directly To This Post :

Link To The Homepage :

Islândia Pioneira na Revolução de Energias Renováveis: Empresa Islândesa Já Produz Combustível Renovável a Partir da Reciclagem Emissões de CO2



Na Islândia já se faz combustível a partir de CO2


Uma empresa de energia islandesa garante estar a produzir combustível líquido renovável a partir de emissões de dióxido de carbono e eletricidade. A companhia diz ser a primeira no mundo a realizar este feito

A Islândia que foi atinginda pela crise de 2008 e prendeu politicos e banqueiros, já saíu da crise provocada pela banca e no proximo ano de 2012 vai crescer três vezes mais do que antes da crise, torna-se agora, mais uma vez um exemplo para o mundo.



Uma empresa de energia Islândesa afirma ter-se tornado na primeira mundialmente capaz de produzir combustível renovável a partir de emissões de CO2 em escala comercial.

A ideia de reciclagem de CO2 para fazer combustíveis sintéticos não é isenta de controvérsia. Aqueles que se opõem à reciclagem de CO2 alegam que seria necessário mais energia para reciclar o CO2 do que aquele que seria produzido em combustível sintético. Defendem que o processo não é eficiente.

A reciclagem de CO2 é defendida por George A. Olah, professor de química e director do Instituto de Pesquisa de Hidrocarbonetos na University of Southern California. George defende que a conversão de CO2 em combustível não é um sonho, mas uma possibilidade efectiva e eficiente, sem o inconveniente do efeito estufa.

Write About Or Link To This Post On Your Blog - Easy Links :
Link Directly To This Post :

Link To The Homepage :

Indigna-te Portugal! Revolução Já! Governo Escraviza Portugueses Com Austeridade e os Bancos Pagam Menos Impostos nos Próximos Vinte Anos



Governo PSD Agente dos Bancos
Governo PSD Agente dos Bancos
Governo de Passos Coelho, o governo agente dos bancos penhora subsidio de férias e subsidio de Natal, coloca portagens nas Scut, aumenta o IVA e o horário de trabalho. Escraviza o povo, destrói Portugal para favorecer os bancos. O Governo assumiu um compromisso com a banca: aumenta a austeridade sobre os portugueses e a banca paga menos impostos durante os próximos 20 anos.

Prejuízos decorrentes da transferência do fundo de pensões para o Estado são transformados em crédito fiscal

OS BANDIDOS ESCRAVIZAM O POVO PARA DAR AOS BANCOS!

O Governo é uma  agência financeira. O Governo está a escravizar o povo e a banca paga menos impostos nos próximos 20 anos! INDIGNA-TE!

Os bancos vão ter um perdão fiscal nos próximos anos como forma de compensar os prejuízos com a transferência do fundo de pensões para o Estado. Significa que durante os próximos 20 anos, a banca vai pagar menos impostos.

Assim, apesar de as instituições financeiras terem de assumir as perdas com a transferência do fundo de pensões para o Estado já este ano, vão ser compensadas com o facto de os prejuízos serem transformados em crédito fiscal nos próximos anos e converterem-se em prejuizo para o Estado e o contribuinte, ou seja, num período que pode ir até 20 anos, os bancos vão pagar menos impostos.

Os bancos vão ter de transferir os fundos a valor de mercado, o que implica que o Estado e os contribuintes venham a assumir uma desvalorização significativa destes activos. Os encargos com as responsabilidades futuras no pagamento de pensões também vão ser maiores.

Além disso, a transferência dos activos só poderá ser feita em dinheiro ou títulos de dívida pública. Isto poderá implicar um encargo para as instituições financeiras de pelo menos 800 milhões de euros.

Só o Millennium BCP tem um desvio no fundo de 1.900 milhões de euros. O BES 903 milhões e o BPI 274 milhões de euros.
Até dia 15 deste mês, os bancos têm de divulgar o valor exacto a transferir para a Segurança Social.

Acorda Povo! Acorda !!!!!

Estão a matar-vos lentamente! Parece que antes querem morrer na escravidão ,do que serem revoluçionarios ,,,olhem para a força do povo da islandia que prendeu politicos e banqueiros e disseram um redundante  NÃO Á MERKEL.


Roubam o povo e á banca dão todos os apoios possíveis e imagináveis, mas quem paga com isto? A resposta é muito simples... O povo! O zé povinho estará cá sempre para pagar as belas "obras" que estes artistas nos dão! BASTA! CHEGA DE FAVORES! ELES QUE PAGUEM OS CRIMES QUE FAZEM!

Façamos como na Islândia!

Chega de apoios à banca!

Deixem a Banca ir á Falência!

BASTA!

Prisão com eles!

Write About Or Link To This Post On Your Blog - Easy Links :
Link Directly To This Post :

Link To The Homepage :

Máfia Politica Portuguesa Gang EDP Construção: Câmara Municipal de Alijó Troca Património da Humanidade por Monte de Betão e Fecha Página no Facebook



Já era de prever. A página Alijó 360º, mantida pela Câmara Municipal de EDP, perdão, Alijó, foi censurada hoje pelas 23h, poucos minutos depois do Dario Silva do Aventar ali ter comentado um post. (Aparentemente, alguém pago com dinheiros públicos está a fazer horas extra! – a Bem da Nação)


Desapareceram alguns cometários e desapareceu também a possibilidade de serem feitos novos comentários a posts existentes. A verdade e a vergonha na cara parecem incomodar José Cascarejo, esse grande defensor do progresso que a barragem do Tua há-de trazer. Aposto que esta personagem fosca da democracia transmontana vai, já nos próximos dias, manifestar-se totalmente CONTRA a barragem… pífia gente.

A Câmara Municipal de Alijó Já Fechou a Página no Facebook…

Em Alijó, trocam o Património da Humanidade por um monte de betão, mas não gostam de ser acusados disso. Por isso, censuram todos os comentários desagradáveis no Facebook!
Depois de a EDP ter fechado o seu mural fendido no facebook, depois de Assunção Cristas, ministra do Ambiente, ter feito o mesmo, quem será o próximo a sentir-se incomodado pelas verdades em torno do embuste do Plano Nacional de Barragens?…




LIBERTE-SE DA "INSANIDADE MENTAL"

LUTE... PARTILHE E LIBERTE-SE DA "INSANIDADE MENTAL"

Alijó é “ali-já” e se não sabes “fazer” corta e extingue – derruba e deixa desmoronar- a ignorância é uma infelicidade e a censura é a consciência da incapacidade de construir valores – é mêdo – é inferioridade mental e moral

Write About Or Link To This Post On Your Blog - Easy Links :
Link Directly To This Post :

Link To The Homepage :

UE Bancos Gang Máfia Crise do Euro: Grupo de Frankfurt, o Esquadrão de Intervenção da Europa de Merkel Sarkozy NAZI



Crise da zona euro

Grupo de Frankfurt, o esquadrão de intervenção da Europa




Reunidos em torno de Angela Merkel e Nicolas Sarkozy, a um pequeno grupo de funcionários não eleitos da UE tem sido atribuída a tarefa de governar a zona euro e depor os líderes que não conseguem andar na linha, escreve o semanário conservador britânico The Spectator.



A antiga Ópera de Frankfurt – em tempos, a mais bela ruína do pós-guerra da Alemanha e agora a sua recriação mais impressionante – tornou-se um símbolo do renascimento europeu. Foi aí que, no mês passado, Angela Merkel e Nicolas Sarkozy se reuniram com a elite burocrática da União Europeia, no que seria, noutros tempos, descrito como um golpe palaciano.

Fartaram-se de cimeiras da zona euro, com líderes vindos daqui e dali, para não chegarem a lado nenhum. Queriam formar um grupo mais pequeno, que exercesse o poder com firmeza, mas informalmente. Nessa noite, quando se reuniram para ouvir Claudio Abbado dirigir a Orquestra Mozart de Bolonha, nasceu um novo esquadrão de intervenção da UE.



Como Silvio Berlusconi agora sabe, o chamado Grupo de Frankfurt está centrado em negócios. Apenas há alguns meses, teria sido impensável que o chefe de um Governo europeu tentasse desestabilizar ou derrubar outro. Agora, três semanas, caíram dois dirigentes europeus da União. Como Sarkozy sabe por experiência recente, para impor uma mudança de regime basta estender uma mão amiga aos rebeldes.

O grupo não pode ser acusado de secretismo. Na cimeira do G-20 em Cannes, os seus representantes andavam com emblemas na lapela, dizendo "Grupo de Frankfurt (GdF)” e reuniu quatro vezes. A Grã-Bretanha não estava no grupo, mas representantes dos Negócios Estrangeiros falaram como se estivessem por dentro. Segundo palavras de um deles: "Estamos em vias de retirar Berlusconi de cena”. Tal declaração teria em tempos sido encarada como um ultraje, mas, no início de novembro, era indiscutível que tinha começado uma operação para afastar o italiano.

Vulgar festim financiado pelo contribuinte

Quando aquela sessão noturna de 19 de outubro foi marcada para a Alte Oper de Frankfurt, ninguém tinha a intenção de formar um esquadrão de intervenção. O plano era ter apenas um vulgar festim financiado pelo contribuinte, uma celebração para marcar a retirada de Jean-Claude Trichet do Banco Central Europeu. Helmut Schmidt, o ex-chanceler alemão de 92 anos que agora é visto como um padrinho do projeto europeu, disse aos convivas que "uma crise da capacidade de intervenção da política das instituições da UE" era "um perigo muito maior para o futuro da Europa do que o sobre-endividamento ". Era chegada a hora de ser duro.

Quando Merkel falou, admitiu frustração em relação às cimeiras europeias e aos seus complexos mecanismos democráticos. "A capacidade de intervenção e de margem de manobra da UE revelou-se lenta e complicada", queixou-se. "Se queremos aproveitar a crise como uma oportunidade, temos de estar preparados para agir mais depressa e até de formas não convencionais." Sarkozy chegou atrasado, mas a tempo de participar no concerto da década.

Também presentes estavam o novo presidente do BCE, Mario Draghi, um italiano com pouca estima por Berlusconi. E Christine Lagarde, a nova presidente (francesa) do Fundo Monetário Internacional, que tem comandado as operações de recuperação de países em aflição e que não se coíbe de impor condições humilhantes (como fez com Berlusconi).

Uma espécie de Bruxelas-no-Reno

Estava José Manuel Durão Barroso, o cada vez mais aniquilador presidente da Comissão Europeia e o seu parceiro para as questões económicas Olli Rehn. O omnipresente Jean-Claude Juncker, primeiro-ministro do Luxemburgo e chefe do grupo das 17 nações da zona euro, apareceu com Herman Van Rompuy, eleito presidente da UE por não ter opiniões sobre nada.

Assim, o Grupo de Frankfurt é, de facto, uma fusão entre a hierarquia da UE e o poder financeiro alemão: uma espécie de Bruxelas-no-Reno. Tal não teria sido possível na era pré-crise, quando havia receios sobre o poder alemão. Agora os alemães deixaram-se de desculpas. "A questão da aceitação de um modelo alemão foi decida pelos mercados", declarou recentemente um porta-voz do Governo alemão. "Estamos apenas a debater pormenores e a extensão das medidas, não a sua natureza.” Este novo tom pugilista sente-se por todo o lado. Funcionários anónimos da UE são agora citados a dizer coisas como: "Sim, acordar e sentir o cheiro do café: é para isso que estão aqui”.

O ignóbil Papandreu tornou-se um alvo de eleição quando ameaçou realizar um referendo sobre o pacote de recuperação económica. Já neste verão, tinha criticado a UE por "indecisão e erros". Descobriu precisamente até onde o restrito Grupo de Frankfurt pode ir, quando lhe foi negado qualquer financiamento acordado, apressando a sua substituição por Lucas Papademos, um antigo quadro do BCE formado em Frankfurt. Até Durão Barroso deu o extraordinário passo para a desestabilização de Papandreu, apelando a uma coligação, quebrando o protocolo e a farsa de que a Comissão Europeia respeita a soberania dos seus Estados-membros.





Tudo em nome da unidade europeia~



Berlusconi era um alvo mais difícil. Há 17 anos que se esquiva de inimigos na política, da oposição à brigada criminal italiana. Além disso, a Itália não entrou de facto em bancarrota. Sem os juros da dívida, as contas nacionais não estariam apenas equilibradas como teriam um dos maiores saldos positivos da zona euro. Não é de todo claro quem considerou a Itália em crise, com o mercado de títulos a ultrapassar o supostamente fatal limite de 7% da dívida pública. Mas a resposta pode estar numa declaração que Merkel fez no ano passado: "Temos que restabelecer o primado da política sobre o mercado." Os políticos têm tentado fazer isso, com pouco sucesso, há várias gerações. Mas é muito mais fácil agora, quando a zona euro criou um aparelho gigantesco, em que os cordelinhos do poder podem ser puxados por um punhado de pessoas.

O fundo de resgate do euro, com o seu hipotético bilião de euros de capacidade de intervenção, tem apenas 15 pessoas. Agora, é possível exercer um imenso poder sobre um continente de Estados-nação, reunindo algumas pessoas que pensam da mesma forma, num quarto dos fundos de um teatro de ópera de Frankfurt. E tudo em nome da unidade europeia.

A democracia é vista com desconfiança – até mesmo aversão – pelo Grupo de Frankfurt, tal como pelos mercados. Os pontos de vista pessoais de Juncker sobre os irritantes eleitores ficaram famosos, desde que expressou o problema da governação da seguinte forma: "Todos sabemos o que fazer, mas não sabemos como ser re-eleitos depois de o termos feito”.

Estamos agora a ver uma solução para o problema de Juncker: nomeiam-se vários dirigentes que, logo à partida, não foram eleitos e que não vão andar à procura de votos para nenhuma re-eleição – e põem-nos a fazer o que se pretendia.

PARA ESTA MALDITA EUROROPA SÓ HÁ UMA SOLUÇÃO:

REVOLUÇÃO!

Write About Or Link To This Post On Your Blog - Easy Links :
Link Directly To This Post :

Link To The Homepage :

Algarve, Portugal: Portagens A22 Geram Revolução Armada! Via do Infante: Pórticos Incendiados e Alvejados a Tiro de Caçadeira!



Pórtico da Via do Infante a arder e funcionário atingido a tiro.

Funcionário da Euroscut ferido a tiro junto a pórticos a arder

Um funcionário da Euroscut Algarve foi esta noite atingido por um tiro, depois de se deslocar ao pórtico da zona da Guia que estava a arder, mas ficou ferido sem gravidade, disse fonte oficial à agência Lusa.


13 de Dezembro, 2011

Um funcionário da Euroscut Algarve foi esta noite atingido por um tiro, depois de se deslocar ao pórtico da zona da Guia que estava a arder, mas ficou ferido sem gravidade, disse fonte oficial.
O funcionário da empresa que gere e explora a Via Infante de Sagres (A22) deslocou-se ao local dos pórticos que começaram a arder esta noite, ao quilómetro 43, no sentido Algoz-Guia (Albufeira), e foi atingido «por um tiro de caçadeira», especificou a fonte da GNR.

Os pórticos de cobrança de portagens na Via do Infante (A22), no sentido Algoz-Guia, começaram a arder esta noite.

Alertado às 20h09, o Comando Distrital de Operações de Socorros CDOS enviou para o local do incidente seis elementos e uma viatura.

Na madrugada de segunda-feira um outro pórtico de cobrança de portagens na A22, junto ao nó de Boliqueime, foi baleado e uma estrutura de apoio com meios informáticos incendiada.

O incidente ocorreu cerca das 2h40, quando várias câmaras de leitura instaladas no pórtico foram destruídas com recurso a arma de fogo, adiantou a mesma fonte, que disse desconhecer se os pórticos ficaram inutilizados e qual a dimensão dos estragos na estrutura de apoio.

Lusa / SOL

Noticia do Sol on line.

Nota Final: Somos Antri-Violência, mas é preciso notar que as pessoas não toleram mais austeridade e a revolta contra o pagamento das portagens na Via do Infante, agudiza-se a cada minuto que passa,pois o sentimento de revolta,é cada vez maior conforme o avolumar do tráfego na E.N.125 e é preciso notar que os Algarvios semtem-se traidos, pois sempre lhes foi dito que a Via do Infante está paga e nunca será portajada.


Write About Or Link To This Post On Your Blog - Easy Links :
Link Directly To This Post :

Link To The Homepage :

Máfia Politica Gang Assalta Brasil! A Privataria Tucana: Best Seller Documentos Secretos Abafados Download



Máfia Politica Gang Brasil A Privataria Tucana Best Seller Documentos Secretos Abafados Download
A Privataria Tucana: Um sucesso de vendas cercado por um muro de silêncio

O livro "A Privataria Tucana", de Amaury Ribeiro Jr., foi lançado há quatro dias e já é um fenômeno de vendas cercado por um muro de silêncio. Produto de doze anos de trabalho - e, sem dúvida, a mais completa investigação jornalística feita sobre o submundo da política neste século -, o livro consegue mapear o esquema de corrupção e lavagem de dinheiro montado em torno do político tucano José Serra - ex-deputado, ex-senador, ex-ministro, ex-governador, ex-prefeito e candidato duas vezes derrotado à Presidência da República. De quebra, coloca o PT em duas saias justas. A primeira delas é a constatação de que o partido, no primeiro ano de governo Lula, "afinou" diante do potencial de estrago da CPMI do Banestado, que pegou a lavanderia de vários esquemas que, se atingiam os tucanos, poderiam também resvalar para figuras petistas. O segundo mal-estar com o PT é o ultimo capítulo do livro, quando o autor conta a "arapongagem" interna da campanha do PT, que teria sido montada para derrubar o grupo ligado ao mineiro Fernando Pimentel da campanha da candidata Dilma Rousseff. Amaury aponta (como ele já disse antes) para o presidente do partido, Rui Falcão. Falcão já moveu um processo contra o jornalista por conta disso. O jornalista mantém a acusação.

Ao atirar para os dois lados, o livro-bomba do jornalista, um dos melhores repórteres investigativos do país, acabou conseguindo a façanha de ser ignorado pela mídia tradicional e igualmente pelo PT e pelo PSDB. O conteúdo de seu trabalho, todavia, continua sendo reproduzido fartamente por sites, blogs e redes sociais. Esgotado ontem nas livrarias, caminha para sua segunda edição. E já foi editado em e-book.

Os personagens do PSDB são conhecidos. O ex-caixa de campanha de Serra e de FHC, Ricardo Sérgio de Oliveira, aparece como o "engenheiro" de um esquema que operou bilhões de dólares durante as privatizações e os dois governos de Fernando Henrique Cardoso. A mesma tecnologia financeira usada por Oliveira foi depois copiada pela filha de Serra, Verônica, e seu marido, Alexandre Burgeois. Gregório Marin Preciado surge também como membro atuante do esquema. Ele é casado com uma prima do tucano nascido na Móoca, ex-líder estudantil e cardeal tucano.

Embora esteja concentrado nesse grupo específico do tucanato - o empresário Daniel Dantas só aparece quando opera para o mesmo esquema -, o livro não poupa gregos, nem troianos. A documentação da Comissão Parlamentar de Inquérito Mista (CPMI) do Banestado, que forneceu os primeiros documentos sobre lavagem de dinheiro obtido ilegalmente das privatizações, é o pontapé inicial do novelo que se desenrola até as eleições presidenciais do ano passado. A comissão, provocada por denúncias feitas pela revista Isto É, em matéria assinada pelo próprio Ribeiro Jr. e por Sônia Filgueiras, recebeu da promotoria de Nova York, e foi obrigada a repassá-lo à Justiça de São Paulo, um CD com a movimentação de dinheiro de brasileiros feita pelo MTB Bank, de NY, fechado por comprovação de que lavava dinheiro do narcotráfico, do terrorismo e da corrupção, por meio de contas de um condomínio de doleiros sul-americanos.

O material era uma bomba, diz o jornalista, e provocou a "Operação Abafa" da comissão de inquérito, pelo seu potencial de constranger tanto tucanos, como petistas (a CPMI funcionou no primeiro ano do governo de Luiz Inácio Lula da Silva, em 2003).

Amaury Ribeiro conta de forma simples intrincadas operações de esfria/esquenta dinheiro ilegal - e, de quebra, dá uma clara ideia de como operava a "arapongagem tucana" a mando de Serra. Até o livro, as acusações de que Serra fazia dossiês para chantagear inimigos internos (do PSDB) e externos eram só folclore. No livro, ganham nome, endereço e telefone.

Nos próximo parágrafos, estão algumas das histórias contadas por Amaury Ribeiro Jr., com as fontes. Nada do que aponta deixa de ter uma comprovação documental, ou testemunhal. É um belo roteiro para a grande imprensa que, se não acusou até agora o lançamento do livro, poderia ao menos tomá-lo como exemplo para voltar a fazer jornalismo investigativo.

1. A arapongagem da turma do José Serra (pág. 25) - Quando ministro da Saúde do governo FHC, José Serra montou um núcleo de inteligência dentro da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) (a Gerência Geral da Secretaria de Segurança da Anvisa). O núcleo era comandado pelo deputado Marcelo Itagiba (PSDB-RJ), também delegado. O grupo foi extinto quando a imprensa denunciou que o grupo bisbilhotava a vida dos funcionários. O funcionário da Agência Brasileira de Informações Luiz Fernandes Barcellos (agente Jardim) fazia parte do esquema. Também estava lá o delegado aposentado da Polícia Federal Onézimo de Graças Souza.

Este núcleo, mesmo desmontado oficialmente, teria sido usado por Serra, quando governador, para investigar os "discretos roteiros sentimentais" do governador de Minas, Aécio Neves, no Rio de Janeiro. De posse do dossiê, Serra teria tentado chantagear Aécio para que o governador mineiro não disputasse com ele a legenda do PSDB para a Presidência da República. O agente Jardim, segundo apurou Amaury, fez o trabalho de campo contra Aécio. (Fontes: O agente da Cisa Idalísio dos Santos, o Dadá, conseguiu informações sobre o núcleo de arapongagem de Serra e teve a informação confirmada por outros agentes. Para a "arapongagem" contra Aécio, o próprio Palácio da Liberdade).

2. O acordo entre Serra e Aécio (págs. 25 a 28) - Por conta própria, Ribeiro Jr., ainda no "Estado de Minas" e sem que sua apuração sobre a arapongagem de Serra tivesse sido publicada, retomou pauta iniciada quando ainda trabalhava no "Globo", sobre as privatizações feitas no governo FHC. Encontrou a primeira transação do ex-tesoureiro de campanha de FHC e Serra, Ricardo Sérgio de Oliveira: a empresa offshore Andover, com sede nas Ilhas Virgens Britânicas, que injetava dinheiro de fora para outra empresa sua, em São Paulo, a Westchester. (Fontes: cartórios de títulos e documentos e Juntas Comerciais de São Paulo e do Rio).

Nos mesmos papéis, encontrou outro personagem que usava a mesma metodologia de Oliveira: o genro de Serra, Alexandre Bourgeois, casado com Verônica Serra. Logo após as privatizações das teles, Bourgeois abriu duas off-shores no mesmo paraíso fiscal - a Vex Capital e a Iconexa Inc, que operavam no mesmo escritório utilizado pelo ex-tesoureiro, o do Citco Building. (Fonte: 3° Cartório de Títulos e Documentos de São Paulo).

Amaury ligou para assessoria de Serra no governo do Estado e se deu mal: as informações, das quais queria a versão do governador, serviram para que o tucano paulista ligasse para Aécio e ambos aparassem as arestas. O Estado de Minas não publicou o material.

3. Ricardo Sérgio de Oliveira, Carlos Jereissati e a privatização das teles - O primeiro indício de que a privatização das teles encheu os cofres de tucanos apareceu no relatório sobre as movimentações financeiras do ex-caixa de campanha Ricardo Sérgio de Oliveira que transitou pela CPMI do Banestado. A operação comprova que Oliveira recebeu propina do empresário Carlos Jereissati, que adquiriu em leilão a Tele Norte Leste e passou a operar a telefonia de 16 Estados. A offshore Infinity Trading (de Jereissati) depositou US$ 410 mil em favor da Fanton Interprises (de Ricardo Sérgio) no MTB Bank, de Nova York.

Comprovação do vínculo da Infinity Trading com Jereissati: Relatório 369 da Secretaria de Acompanhamento Econômico; documentos da CPMI do Banestado.

Comprovação do vínculo de Oliveira com a Franton: declaração do próprio Oliveira, à Receita Federal, de uma doação à Franton, em 2008.

4. Quando foi para a diretoria Internacional do Banco do Brasil, Ricardo Sérgio tinha duas empresas, a Planefin e a RCM. Passou a administração de ambas para a esposa, a desenhista Elizabeth, para assumir o cargo público. Em 1998, a RCM juntou-se à Ricci Engenharia (do seu sócio José Stefanes Ferreira Gringo), para construir apartamentos. Duas torres foram compradas pela Previ (gerida pelo seu amigo João Bosto Madeira da Costa) ainda na maquete. A Planefin entrou no negócio de Intenet recebeu líquido, por apenas um serviço, R$ 1,8 milhão do grupo La Fonte, de Carlos Jereissati, aquele cujo consórcio, a Telemar, comprou a Tele Norte Leste (com a ajuda de Ricardo Sérgio, que forneceu aval do BB e dinheiro da Previ à Telemar).

5. Em julho de 1999, a Planefim comprou, por R$ 11 milhões, metade de um prédio de 13 andares no Rio, e outra metade de outro edifício em Belo Horizonte. As duas outras metades foram compradas pela Consultatum, do seu sócio Ronaldo de Souza, que morreu no ano passado. Quem vendeu o patrimônio foi a Petros, fundo de pensão dos funcionários da Petrobras, reduto tucano. O dinheiro para pagar a metade de Ricardo Sérgio nos imóveis veio da Citco Building, nas Ilhas Virgens Briânicas, a mesma "conta-ônibus" de doleiros que viria a lavar dinheiro sul-americano sujo, de várias procedências.

A Privataria Tucana: Best Seller Documentos Secretos Download

Por Maria Inês Nassif. Publicado em http://www.aldeiagaulesa.net/2011/12/privataria-tucana-um-sucesso-de-vendas.html

Write About Or Link To This Post On Your Blog - Easy Links :
Link Directly To This Post :

Link To The Homepage :

EuroMilhões Máfia Portugal: Entre Vitimas e Criminosos Estamos do Lado dos Criminosos Diz Nuno Magalhães Deputado CDS



Nuno Magalhães CDS Mafia Portugalno Parlamento diz Nós Não Temos Dúvidas Entre Vitimas e Criminosos Estammos Sempre do Lado dos Criminosos
Nuno Magalhães Deputado CDS: Entre Vitimas e Criminosos Estammos Sempre do Lado dos Criminosos




Nuno Magalhães Deputado CDS na Assembleia da Républica Portuguesa Entre Vitimas e Criminosos, nós não temos dúvidas, nós estammos Sempre Ao Lado dos Criminosos. Os outros deputado riem e batem palmas.

A Presidente em vez de o expulsar, manda seguir. É este mau caracter que se governa de Portugal.


Esta é a dura realidade! Não se Aproveita Um!

COM ESTES ARTISTAS NUNCA SAIREMOS DA CRISE!

Nuno Magalhães e Paulo Portas CDS
Nuno Magalhães e Paulo Portas CDS
O Cartaz Diz: Este é o Momento
Momento de Entalar os Portugueses
Momento de nos Enchermos...

Nome Completo


Nuno Miguel Miranda de Magalhães


Data de Nascimento


04-03-1972


Habilitações Literárias


Licenciatura em Direito

Profissão

Advogado desde 1996

Cargos que desempenha

Deputado da Assembleia da República, na XI Legislatura, eleito pelo Círculo Eleitoral de Setúbal;

Presidente do Grupo Parlamentar do CDS-PP

Membro da Comissão Executiva do CDS

Cargos exercidos

Consultor Jurídico do Grupo Parlamentar do CDS-PP de Novembro de 2000 até 8 de Abril de 2002, tendo exercido funções nas áreas do Trabalho e Segurança Social, Imigração e Segurança Interna.

Sec. Estado da Administração Interna no XV, com tutela delegada nas áreas do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras. Direcção Geral de Viação, Segurança do Campeonato Europeu de Futebol (Euro 2004), Secretaria Geral do MAl, Serviço Técnico de Apoio ao Processo Eleitoral e Auditoria Jurídica do MAI.


Secretário de Estado da Administração Interna do XVI Governo Constitucional, com tutela delegada nas áreas do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, Direcção geral de Viação, Serviço Técnico de Apoio ao Processo Eleitoral e Segurança da Final da Taça UEFA de 2005;


Membro da Comissão Executiva da Direcção do CDS- PP até Março de 2005;


Membro do Conselho Nacional do CDS-PP;


Presidente da Comissão Política Distrital do CDS-PP de Setúbal, até Junho de 2005;

Candidato nas Eleições Legislativas de Fevereiro de 2005 à Assembleia da República pelo círculo eleitoral de Setúbal;

Participou na elaboração do Programa de Governo do XV Governo Constitucional em representação do CDS-PP;

Participou na elaboração do Programa de Governo do CDS-PP para as Eleições Legislativas de Fevereiro de 2005, nomeadamente nas áreas da Imigração e Segurança Interna;

Presidente do C.N.J. do CDS-PP desde Maio de 2007 até Março de 2008

Deputado da Assembleia da República, na X Legislatura, eleito pelo Círculo Eleitoral de Setúbal;

Comissões Parlamentares a que pertence

Comissão de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias [Suplente]

Comissão de Negócios Estrangeiros e Comunidades Portuguesas

"Democratic And Social Centre -- People's Party" "Nuno Bettencourt" Performing Media Communications "Media (communication)" Humanities Business Technology Language Engineering funny AOFA SIC DN TVI RTP JN Assembleia Revolução Indignados Portugal Parlamento Governo

Write About Or Link To This Post On Your Blog - Easy Links :
Link Directly To This Post :

Link To The Homepage :

Colapso Segurança Social: Medina Carreira Entrevista Bagão Félix Critica Governo e Alerta Que Portugueses Podem Ficar Sem Reformas



Medina Carreira TVI24 Programa Olhos Nos Olhos
Bagão Félix, antigo ministro de governo PSD-CDS alerta para ruptura da Segurança Social
Ex-ministro cita estudo que aponta para início de colapso já a partir de 2020

O sistema de Segurança Social pode entrar em ruptura já a partir de 2020, de acordo com as contas de Bagão Félix. No programa «Olhos nos Olhos», da TVI24, o ex-ministro da Segurança Social diz mesmo que quem se reformar para o ano vai receber menos 4 por centro. E em 2040, a redução será de 27 por cento

Uma pessoa que faça descontos há 30 anos «vai ter uma penalização entre 10 a 15 por cento, no mínimo, da sua pensão», exemplifica Bagão Félix.

Medina Carreira corrobora a preocupação do antigo ministro e critica o «silêncio do Governo»: «Não fazendo reformas pensadas e discutidas sossegadamente, depois tem de se cortar. É isso que eu condeno neste Governo: o silêncio sobre o estudo desta realidade do Estado Social, que é o problema mais grave que existe na sociedade portuguesa».

A maior crise que temos em portugal é de valores,temos a maior taxa de abandono de animais e idosos na europa, só ligamos a futebol a cultura que se lixe,as pessoas da dita cultura sao uns pseudo intelectuais arrogantes que nao sabem que é rebolar na relva.

O programa de maior audiência chama-se secret story,

Fundos da uniao europeia são para comprar land rovers e ferraris.

E depois sofremos da maior doença neste pais que temos muita gente demagoga que diz uma coisa e faz outra.


os politicos agem com interesses proprios na vida politica e partidária , mas temos de ver que isso é um reflexo da mentalidade do povo em si..

a atitude da classe política dum país reflecte a mentalidade do seu povo acho ridiculo os portugueses estarem constantemente a flr mal dos seus políticos

Write About Or Link To This Post On Your Blog - Easy Links :
Link Directly To This Post :

Link To The Homepage :

Anonymous Hackers AntiSecPT AntiSecPortugal AntiSec Cyber Justice Guerrilla Defaced PSD Website



Site do PSD Lisboa atacado por hackers

#Anonymous #Hackers #AntiSecPT #AntiSecPortugal #AntiSec Cyber Justice #Guerrilla #Defaced PSD Website
Mensagem critica medidas do governo
Anonymous Hackers AntiSecPT AntiSecPortugal AntiSec Cyber Justice Guerrilha Guerrilla Cyber-Guerrinha Defaced PSD Website

O site do PSD Lisboa foi atacado esta noite por hackers que colocaram na home page uma mensagem de indignação para com a atual política do governo português.

“Acabem com os aumentos de impostos e portagens” e “o povo é culpado por nada fazer” são algumas das mensagens que se podem ler.

No final surge a frase “um bem haja aos #AntiSecPT e #lulzsecportugal”, grupos que nos últimos tempos já fizeram várias “vítimas” na internet.
Investiguem o Curriculum Vitae de Pedro Passos Coelho Primeiro Ministro de Portugal PSD


INVESTIGUEM ESTE CURRICULUM...

A VERDADE SOBRE PASSOS COELHO

As empresas de que este sr. foi gestor - graças ao padrinho Ângelo Correia entraram quase todas em processo de falência... E é um Jotinha destes que está á frente de uma nau em plena tempestade político-financeira!
\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\
A Verdade sobre PASSOS COELHO ENVOLVIDO EM MTS CASOS DE GESTÃO DANOSA PAR O PAIS)
"E como administrador do Grupo Fomentinvest Ambiente, SGPS viu-se envolvido em mais de 10 processos de contra-ordenação (em anexo mapa dos processos de contra-ordenação)."´
http://verdadeirolapisazul.blogspot.com/2011/05/processo-n-360098tbglg.html

TUDO SOBRE O CRIMININOSO E PADRINHO MAFIOSO "PASSOS COELHO". CADASTRADO E VÁRIAS VEZES CONDENADO COMO SE PODE VER NO CADASTRO.
TODA A INFO SOBRE PASSOS COELHO E RESPECTIVAS ACÇÕES E PROJECTOS CRIMINOSOS


CADASTRO
http://verdadeirolapisazul.blogspot.com/2011/05/cadastro.html

CADASTRO 2
http://verdadeirolapisazul.blogspot.com/2011/05/cadastro-2.html

MAPA DE CRIMES AMBIENTAIS (MÁXIMO EXEMPLO DA CONSIDERAçÃO QUE TEM POR nÓS E PELO PAIS

Denúncia de Gestão Danosa em projecto gerido por Passos Coelho
http://verdadeirolapisazul.blogspot.com/2011/06/denuncia-de-gestao-danosa-em-projecto.html
Um dos projectos a Albaidas de que Pedro Passos Coelho era administrador executivo, na sequência de uma denúncia sobre gestão danosa durante os anos de 2008 e 2009 em que referem ter havido um desvio de cerca de 1 milhão de euros, foi objecto de uma deliberação da Comissão Executiva do Banif para que se procedesse a uma investigação exaustiva desses graves factos culminando com a realização de um memorando da Cuatrecasas.
Podem ver e fazer download das cartas do Banif à Fomentinvest, a denúncia da gestão danosa, a carta do Banif à MCO2-SGFIM e o memorando da Cuatrocasas.
https://docs.google.com/viewer?a=v&pid=explorer&chrome=true&srcid=0BxZhke4XhKn-MjBjMWU2MTgtYzZiZS00NGFmLTllN2EtZmU3M2Y4YjZiMzA5&hl=pt_PT
\\\\\\\\\\\\\
Limpar o buraco financeiro do Fundo na Caixa Geral de Depósitos
http://verdadeirolapisazul.blogspot.com/2011/06/limpar-o-buraco-financeiro-do-fundo-na.html
Existe, também, a intenção de caso o PSD ganhe as eleições integrar este fundo do Grupo Fomentinvest na CGD de forma a diluir o enorme buraco financeiro acumulado e assim compensar os diversos accionistas que passam por diversas instituições financeiras.
PPC que trouxe à campanha a sua capacidade de gestão empresarial como economista podia explicar o que tem a dizer à apreciação demolidora na sua gestão na Albaidas e se pode garantir que caso ganhe as eleições o fundo das energias e também o fundo do carbono (outro altamente desvalorizado) da Fomentinvest do seu amigo Ângelo Correia não será adquirido pela CGD.
Encontre aqui, disponível para consulta, um ponto de situação sobre o projecto Albaida.
\\\\\\\\\
Passos Coelho: Irregularidades na gestão do MARL Energia
http://verdadeirolapisazul.blogspot.com/2011/06/passos-coelho-irregularidades-na-gestao.html
Outro projecto com gravíssimos problemas de irregularidades na sua gestão foi MARL Energia.
Análises que podem, igualmente, ser aqui consultadas.
https://docs.google.com/viewer?a=v&pid=explorer&chrome=true&srcid=0BxZhke4XhKn-NzAwMWRhMGUtODRmMC00ZTEyLTkwMDMtZDdhZDZmYzFmMzRl&hl=pt_PT
\\\\\\\\\\

Passos Coelho: Gestão desastrosa do New Energy Fund
http://verdadeirolapisazul.blogspot.com/2011/06/passos-coelho-gestao-desastrosa-do-new.html
Passos Coelho gaba-se da sua experiência como administrador, mas esta é um desastre. Senão vejamos, o Grupo Fomentinvest de que Passos Coelho era administrador executivo geria, por exemplo, o “New Energy Fund” que integra vários projectos empresariais (com resultados desastrosos desde a sua constituição com uma desvalorização acumulada de 17% em apenas 15 meses e diversas empresas do Grupo sobre suspeita).
É esta a sua experiência!
Consulte aqui todos os investimentos do “New Energy Fund”.
\\\\\\\\

New Energy Fund: Desvalorizado e Descapitalizado
http://verdadeirolapisazul.blogspot.com/2011/06/new-energy-fund-desvalorizado-e.html
Da apreciação do Comité de investimentos da NIF foi detectado, entre outras coisas, que “em 2009, as contas apresentadas não reflectiam sequer os saldos que o NEF tinha desembolsado a título do financiamento do projecto”, bem como, outras irregularidades.
Este fundo “NEF” tem participação de diversas instituições financeiras e estão neste momento completamente desvalorizados e descapitalizados em relação ao investimento inicial nele feito.
Podem ver este quadro que comprova essa desvalorização.
\\\\\\\\\\\\\\\\\\

Conheça o Projecto Albaida
http://verdadeirolapisazul.blogspot.com/2011/06/conheca-o-projecto-albaida.html
-------
https://docs.google.com/viewer?a=v&pid=explorer&chrome=true&srcid=0BxZhke4XhKn-NGQ5MzU0MDctMmExOC00NjRmLTgyZTMtYTFhMGMzM2MyYzM1&hl=pt_PT
\\\\\\\\\\\\\\\
Má gestão e violação da Lei
http://verdadeirolapisazul.blogspot.com/2011/06/ma-gestao-e-violacao-da-lei.html
Vários processos de contra ordenação por violação de regras ambientais, vários exemplos de má gestão são matérias que merecem vir a público sobre o passado de Passos Coelho enquanto gestor e economista.
Conheça todos os episódios:
Sábado - 11 de Fevereiro de 2010
http://verdadeirolapisazul.blogspot.com/2011/05/sabado-11-de-fevereiro-de-2010.html
Justiça e Privatizações
http://verdadeirolapisazul.blogspot.com/2011/05/justica-e-privatizacoes.html
Processo nº 360/09.8TBGLG
http://verdadeirolapisazul.blogspot.com/2011/05/processo-n-360098tbglg.html
Acordão na 2ª Secção Criminal do Tribunal da Relação de Évora
http://verdadeirolapisazul.blogspot.com/2011/05/acordo-na-2-seccao-criminal-do-tribunal.html
Cadastro
http://verdadeirolapisazul.blogspot.com/2011/05/cadastro.html
Cadastro 2
http://verdadeirolapisazul.blogspot.com/2011/05/cadastro-2.html
Expresso - 14 de Maio
http://verdadeirolapisazul.blogspot.com/2011/05/expresso-14-de-maio.html
Notícia I: Ambiente. Empresa dirigida por Passos condenada a pagar 60 mil euros por negligência
http://verdadeirolapisazul.blogspot.com/2011/05/noticia-i-ambiente-empresa-dirigida-por.html
\\\\\\\\

Write About Or Link To This Post On Your Blog - Easy Links :
Link Directly To This Post :

Link To The Homepage :

Recent Posts

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...