... Julgo que depois destes malabarismos, os currículos das pessoas com funções políticas activas com o propósito de praticar o bem comum de uma nação, devem ser exigidos e publicados em Diário da Republica para qualquer cidadão poder consultar e certificar-se das habilitações de cada politico. Não deve ser uma opção, mas uma condição contemplada numa lei própria para o efeito, pois como sabemos, nenhum trabalhador é admitido numa função numa empresa, sem referências e/ou curriculo académico/profissional. será verdade que o PS está "calado" neste caso da licenciatura de M. Relvas porque o Irmão Maçon António Seguro dos Bancos (da Universidade Lusófona) foi um dos professores envolvido no processo?...

Indignados de Israel Acampada: Jerusalém, Telavive, Beersheva, Jaffa, Kfar Saba: World Revolution



Indignados de Israel

Jovens israelitas acamparam no centro de algumas cidades, como Jerusalém, Telavive, Beersheva, Jaffa e Kfar Saba. Os jovens reivindicam habitação digna, baixa dos preços de bens de consumo e dizem que se inspiram nas revoltas árabes.

World Revolution - Israelitas Acampados no Rothschild Boulevard em Telavive – Foto de activestills.org
Acampados no Rothschild Boulevard em Telavive – Foto de activestills.org

Segundo o jornal espanhol “El Pais”, a maioria dos indignados são estudantes universitários e jovens trabalhadores da classe média. O seu protesto principal é contra a falta de acesso à habitação nas cidades onde trabalham, porque os preços dispararam nos últimos três anos. Uma das acampadas diz ao jornal: “Não podemos alugar casas aos preços actuais. A maioria está nas mãos dos ricos”. Em cidades como Jerusalém, existem muitas residências fechadas e desocupadas, ou que só têm ocupação nas férias de Verão, e que são pertencentes a judeus ricos norte-americanos ou europeus. Um jovem arquitecto participante na acampada, que teve de ir morar para fora da cidade de Jerusalém, diz ao jornal: “Eles vêm cá muito pouco mas somos nós que pagamos os impostos”.

Segundo a jornalista Ana Garralda do “El Pais”, o primeiro protesto destes jovens foi um boicote ao requeijão, que tinha subido de preço em 70%. O protesto, convocado através do facebook, obrigou as empresas distribuidoras a baixá-lo 25%. Uma das organizadoras dos protestos naquela rede social, Daphni Leef, diz à jornalista que se está a preparar uma grande manifestação para o próximo sábado em Telavive e considera que estes protestos “vão para além de esquerdas ou direitas, todos compartilhamos os mesmos problemas”.

Perante as acampadas, o primeiro-ministro israelita, Benjamin Nathayahu, propôs ao governo a construção de 20.000 a 30.000 habitações, mas a proposta foi rejeitada pelo ministro da Economia.
Espanha: Movimento 15-M

Write About Or Link To This Post On Your Blog - Easy Links :
Link Directly To This Post :

Link To The Homepage :

Sem comentários:

Enviar um comentário

Os comentários são livres, portanto não expressam necessariamente a opinião do blog.
Usem-no com sapiência, respeito com os demais e fiquem a vontade.
A Administração do Website

Revolta Total Global Democracia Real Já

Democracia Real Ya
Saiba Quem Manda nas Agências de Rating
Saiba Como Funcionam, a Quem Benificiam e Servem os Ratings das Agências de Notação Financeira; Conheça a Moody's

Occupy The Banks

Conheça Dívida Soberana das Nações e o Império do Fundo Monetário Internacional FMI

World Revolution For Real Democracy Now
Conheça os Estatutos do FMI; Direito Especial de Saque Incluido

Take The Square

Occupy Everything

Tomem as Praças
Saiba Porque não Falam na Islândia

Recent Posts

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...