... Julgo que depois destes malabarismos, os currículos das pessoas com funções políticas activas com o propósito de praticar o bem comum de uma nação, devem ser exigidos e publicados em Diário da Republica para qualquer cidadão poder consultar e certificar-se das habilitações de cada politico. Não deve ser uma opção, mas uma condição contemplada numa lei própria para o efeito, pois como sabemos, nenhum trabalhador é admitido numa função numa empresa, sem referências e/ou curriculo académico/profissional. será verdade que o PS está "calado" neste caso da licenciatura de M. Relvas porque o Irmão Maçon António Seguro dos Bancos (da Universidade Lusófona) foi um dos professores envolvido no processo?...

Máfia NAZI Controla UE: Discurso de Auschwitz “Relay of Life” Passagem do Testemunho dos Guardiães da Memória; Dr Rath Health Foundation Denuncia BAYER BASF Chemical Drug Oil Cartel



Já aqui publicámos antes os documentos secretos que comprova que o Hitler não morreu, os documentos secretos EW PA-128 US ARMY do plano Nazi de criação da União Europeia. Agora, apresentamos algo ainda mais sinistro... a denúncia do  Dr Rath, no discurso dee Auschwitz vái bem maisa fundo...

 

O Dr. Rath Health Foundation é o receipient do "Relay de Vida e Memória" dos sobreviventes de Auschwitz


Caros sobreviventes do campo de concentração de Auschwitz,
Queridos guardiões da memória de Auschwitz,
Caro Dignitários,
Caros convidados,

Em nome de nossa fundação, desejo-vos as boas vindas. Gostaria também de agradecer August Kowalczyk, Helena Wisla e á Fundação Hospicjum Foundation Oswiecim, pelo grande esforço para organizar esta reunião. Há mais de quatro anos atrás eu conheci August Kowalczyk, pela primeira vez numa conferência da nossa fundação, em Haia, na Holanda, onde ele compartilhou as suas experiências de Auschwitz.


Neste meio tempo, nós encontramos-nos muitas vezes mais e eu tive também a honra de conhecer outros guardiões da memória de Auschwitz. Hoje vocês decidiram passar o “relay of life” da lembrança, o "revezamento da vida" para a próxima geração. Ter a honra de transportar a memória, dos sobreviventes de Auschwitz, na próxima geração é a mais alta honraria que qualquer organização ou qualquer ser humano pode receber.

But we are not alone here today. Mas não estamos sozinhos aqui hoje. With us is the memory of those millions of people who were brutally murdered in the KZ Auschwitz I, Birkenau and the IG Farben KZ Monowitz. Com nós é a memória dos milhões de pessoas que foram brutalmente assassinados no KZ Auschwitz I, Birkenau ea IG Farben KZ Monowitz.

Conoscos estão as pessoas da Polônia, Tchecoslováquia, Bélgica, França, Grã-Bretanha, Grécia, Holanda, Noruega, Rússia, Iugoslávia, e de muitas outras nações.

Conoscos está o povo judeu, o povo de origem eslava e todos aqueles que foram assassinados apenas por causa de sua raça e nacionalidade.

Nós nos curvamos diante de vocês. E nós estamos aqui hoje em vossa memória.

Sinto-me particularmente honrado por estar aqui entre vocês, os guardiões da memória de Auschwitz, porque eu nasci na Alemanha. Antes de avançarmos, gostaria de curvar-me na frente de todos vocês e pedir o vosso perdão para os crimes cometidos pelo povo alemão aqui em Auschwitz e em todo o mundo.

Estamos aqui hoje para proteger a vida, a saúde e dignidade, pois são estes os valores que foram mais abusadas na maioria das vezes no passado e que estão, portanto, na vanguarda do que devemos preservar e proteger para as gerações vindouras.

Por um lado, vocês, os sobreviventes de Auschwitz, decidiram passar a tocha da lembrança, o "revezamento da vida", para a próxima geração.

Por outro lado, a humanidade chegou a um ponto onde a possibilidade de uma Terceira Guerra Mundial está a ser discutida abertamente. Esta guerra, sem dúvida, irá desencadear um holocausto nuclear e conduzir a humanidade para o abismo. Esta conferência vai expor esses grupos de interesse que abertamente se preparam para a III Guerra Mundial e enviar uma mensagem de paz, que será ouvida em todo o mundo.

De vocês, os guardiões da memória de Auschwitz, nós aprendemos muito sobre a história, informações de valor inestimável que precisam ser preservadas para as gerações futuras. Nós, encontramos também uma abundância de fatos nos registos do Tribunal de Crimes de Guerra de Nuremberga ("Nuremberg War Crimes Tribunal") e noutros documentos históricos. Só se nós e as gerações futuras transportarmos estas "lições da história" seremos capazes de evitar no futuro, a repetição dos crimes que aconteceram durante a Segunda Guerra Mundial aqui em Auschwitz.

IG; Farben; Industries; AG; Bayer; Hoesch; German; Chemical; Pharmaceuticals; Value; Bilion; NAZI

Os preparativos das empresas para a Segunda Guerra Mundial, começaram muito cedo, em 1925, quando a Bayer, a BASF, a Hoechst e outras multinacionais alemãs formaram um cartel chamado "IG Farben Indústry". O objetivo declarado deste cartel era obter o controle dos mercados globais nos sectores-chave industriais da química, produtos farmacêuticos e petroquímicos. Já em 1925, quando este cartel foi fundado, o seu valor corporativo ultrapassou 11.000 milhões de marcos alemães (Reichsmark) e empregava mais de 80.000 pessoas.



Um dos setores industriais estratégicos para os quais a IG Farben buscava obter o controle global foi o "negócio farmacêutico de investimento". Eles sabiam (consideravam) que a indústria farmacêutica não é primariamente uma indústria da saúde, mas uma empresa de investimento que define o corpo humano como seu mercado estratégico. Ao apresentar-se como o fornecedor da saúde (da cura), toda a existência desta indústria de investimento foi baseada na continuação e expansão de doenças como mercados multimilionários dos medicamentos (drogas) por eles patenteados.

A pré-condição para o estabelecimento de um monopólio global para este negócio de investimento de drogas patenteadas (medicamentos patenteados) era a tentativa de eliminar sistematicamente todas as terapias naturais não-patenteadas.
NAZI; IG Farben; Industrie; Corporate; Headquarters; Frankfurt; Germany; Quartel General; Industia; Farmaceutica; Alemã


Em 1933, a IG Farben tornou-se o maior financiador da subida dos nazistas ao poder. E nos anos seguintes este cartel químico-farmacêutico alemão tornou-se no cúmplice corporativos nos preparativos para a conquista militar da Europa.

Bayer; Basf; Hoechst; IG Farben; NAZI Industry; Strategic Investment; Create; European Market; Investimento; Estratégico; Investimento Estratégico; Industria; Alemã; Mercado; Europeu


Os registos do Tribunal de Crimes de Guerra de Nuremberg documentam que a Bayer, BASF e Hoechst deram mais de 80 milhões de marcos alemães aos nazis e às suas sub-organizações. Em troca deste "investimento", a IG Farben assumiu o controle das industrias química, farmacêutica e petroquímica nos países ocupados durante a Segunda Guerra Mundial com o objetivo final de criar e dominar um "Mercado Europeu", desde Lisboa a Sofia.

IG Farben; Patent; Strategy; Create; European Reich; Europa Sob Poder NAZI das Industrias Petro Quimicas Farmaceuticas Alemãs


Este documento do Tribunal de Crimes de Guerra de Nuremberga, uma carta escrita por Knieriem, diretor da IG Farben, ao governo nazista em 20 de julho de 1940 - logo após a vitória sobre a França - descreve os instrumentos (as ferramentas) com os quais a IG Farben se destina a consolidar (cimentar) o seu papel chave na Europa. A carta da IG Farben especifica uma moeda comum europeia, direito europeu comum, e até mesmo um sistema judicial europeu - tudo isso sob o controle da coligação nazi IG-Farben (Nazi/IG Farben coalition).

Auschwitz; NAZI; IG; Farben; Basf; Bayer; Hoesch; German Industries; Creation; Industria Alemã; Alemanha;  Tribunal Documents; Tribunal; Documents

Em Auschwitz, a IG Farben construiu o maior complexo industrial da Europa para produzir os produtos químicos e os explosivos para a frente oriental da Segunda Guerra Mundial. Este complexo industrial de 24 quilômetros quadrados - bem como a expansão maciça dos campos de concentração próximos, funcionando como um reservatório de trabalho escravo - foram financiados com créditos de quase um bilhão de marcos alemães (Reichsmark) pelo Deutsche Bank.

Bayer; Pharmaceutical Bivision; IG Farben; Bayer Patentd Drug 1034; Chemo Tested on Prisioners; Medicamentos; Patenteados; Medicamentos Patenteados da Bayer Foram Testados nos Prisioneiros; Auschwitz; Tribunal; Nuremberga


A Divisão farmacêutica da Bayer estave usando os milhares de prisioneiros em mortíferas experiências de "quimioterapia" para testar seus produtos químicos patenteados.

Nuremberg; Nuremberga; Bayer; Basf; IG; Farben; War Criminals; Criminosos de Guerra; Condenados; Tribunal Nuremberg


Durante o Julgamento do Tribunal de Crimes de Guerra de Nuremberg 24 gestores das Indústrias IG Farben foram julgados por crimes contra a humanidade e muitos deles foram condenados.

US Chief Prosecutor; Telford Taylor; Procurador Chefe EUA; US; Chief Prosecutor; Telford Taylor Procurador Chefe EUA; US Chief; Prosecutor; Procurador; Chefe; EUA


Durante o julgamento do Tribunal de Nuremberga, o Procurador dos EUA, Telford Taylor, resumiu o papel deste cartel químico, da seguinte forma: sem a IG Farben, a Segunda Guerra Mundial não teria sido possível ("without IG Farben, the Second World War would not have been possible.").

Profit Over Life Org; Llucro Sobre a Vida; Profit Over Life; Org; Llucro; Vida; NAZI

Por seis longas décadas os registros do Tribunal de Nuremberga contra os dirigentes do grupo IG Farben foram escondidos em arquivos. Em julho deste ano, a nossa fundação teve acesso a estes arquivos e publicou mais de 40.000 páginas deste importante tribunal na Internet. A partir de agora, qualquer um, as crianças e adultos de qualquer parte, todas as escolas, podem ler e estudar on-line estes documentos importantes em qualquer lugar do mundo.

Carl Wurster; Acused War Criminal; NAZI Crimes; Acusado de Crimes Guerra; NAZI


Com o início da Guerra Fria, alguns dos executivos da IG Farben, que enfrentaram um julgamento no tribunal de Nuremberga, foram reintegrados nas posições mais altas da indústria alemã. Karl Wurster, presidente da Degesch - o fabricante do Cyclone B para as câmaras de gás de Auschwitz - tornou-se presidente-executivo da BASF.



Fritz ter Meer, director da Bayer e da IG Farben condenado em Nuremberga por genocídio e escravidão, crimes cometidos aqui em Auschwitz, foi libertado da prisão, apenas quatro anos depois. 10 years after he was sentenced as a war criminal in Nuremberg he was chairman of the supervisory board of Bayer again. 10 anos depois de ele ter sido condenado como um criminoso de guerra em Nuremberga, ele foi novamente presidente do conselho de supervisão da Bayer.

Criminoso de Guerra; Arquitecto da Alemanha Pós-Guerra; Hans Globke; NAZI; Criminal; Postwar Architect


Hans Globke foi co-autor das leis raciais de Nuremberga e também foi responsável por escrever as novas leis do Grande "Reich" Europeu nos países ocupados pelos nazis durante a Segunda Guerra Mundial.

Fundação; Nascimento; Uniao Europeia; Hans Globke; Criminoso de Guerra; NAZI; Chanceler de Adenauer; Adenauer; Alemanha; Chancelaria


Após a Segunda Guerra Mundial Globke tornou-se ministro da Chancelaria no governo do chanceler alemão Adenauer. Como "eminência parda" e fora de qualquer controlo parlamentar, a partir dos Serviços Secretos, ele controlava practicamente todos os aspectos da vida política da Alemanha Ocidental no pós-guerra, para a continuação dos planos do cartel do petróleo e das drogas para conquistar a Europa sob a recém-construída UE.

Alemanha; Advogado; NAZI; Walter Hallstein; Autor; Discurso; Lei de Protecção do Sangue; Honra; Alemã, Países Ocupados

Walter Hallstein, proeminente professor de Direito do regime nazi, declarou num discurso em 1939: "Uma das leis mais importantes (em países europeus ocupados) é a "Lei de Proteção do Sangue e Honra Alemã'.... "

Adenauer; Adenauer e Hallstein Assinam Tratado Criação da UE Roma 1957; Hallstein; Alemanha; União Europeia


Em 1957 o mesmo advogado do "sangue e honra" tornou-se um dos principais arquitetos da estrutura básica da União Europeia e o primeiro chefe da "Comissão Europeia" - o órgão executivo da UE concebido desde o início para governar a Europa fora de qualquer controle democrático.

NAZI IG Farben Men Design European Union; Uniao Europeia Desenhada pelos NAZIS, Bayer; Basf; IG Farben; EU; UE; European Union; União Europeia; Cartel; Drogas; Quimico Petrolifero; Chemical; Oil; Drugs

Em resumo, os homens nazis da IG Farben projectaram a Comissão Europeia como o "Politburo" do Cartel Farmacêutico (Pharma Cartel) de controle (governo) da Europa do pós-guerra.

dROGA; Máfia, NAZI, Controla, UE, Discurso, Auschwitz, Passagem, Testemunho, Relay Of Life, Guardiães, Memória, Dr Rath, Denuncia, Cartel, BAYER, BASF, Health Foundation, pETRÓLEO


Como resultado directo da influência destes interesses, as decisões do Parlamento Europeu têm pouca, se é que têm alguma influência sobre as leis e sobre as assim chamadas "directivas comunitárias" imposta pela "Comissão Europeia" sobre a vida dos 400 milhões pessoas na Europa.

Ao mesmo tempo, as eleições para o Parlamento Europeu são pouco mais que um baile de máscaras, enganando o povo da Europa por retratar a estrutura da UE como um sistema democrático.

EU; Democracy; Dictatorship; UE; Democracy; European Union; Dictatorship; UE; Ditadura; União Europeia; Ditadura

A base de qualquer democracia é o poder do povo. Se o poder executivo não deixa de ser controlado pela vontade do povo, a democracia transforma-se numa ditadura.

Auschwitz, BASF, BAYER, Cartel, Controla, Denuncia, Discurso, Dr Rath, Guardiães, Health Foundation, Memória, Máfia, NAZI, Passagem, Relay Of Life, Testemunho, UE,

Hoje, as sombras da IG Farben ainda estão sobre a Europa. Os objetivos dos sucessores IG Farben estão hoje unidos por multinacionais do petróleo e drogas de outros países europeus. Mas os seus objectivos (as suas metas) continuam a ser os mesmos da IG Farben durante a Segunda Guerra Mundial: estabelecer e controlar um mercado europeu de "Lisboa a Sofia" com medicamentos patenteados e outros produtos patenteáveis ​​de alta tecnologia.

As vastas áreas para as quais estes interesses corporativos buscam controle, cobrem hoje, cada vez mais áreas da sociedade e tocam (alcançam) toda a vida no nosso continente. Eles incluem as patentes genéticas - a fim de ganhar o controle sobre as moléculas da hereditariedade e da vida - e patentes sobre plantas geneticamente modificadas com o objectivo de ganhar o controle da nossa alimentação diária.


Vitimas Industria Farmaceutica; Phar Industry; Industria; Farmácia

O mais conhecido entre essas indústrias que buscam o controle sobre nossas vidas é o "negócio farmacêutico com a doença". Como mencionado anteriormente, esta indústria é baseada na promessa de saúde, mas toda a sua existência depende de promoção doenças como mercados. Nós sabemos hoje que as doenças cardiovasculares, câncerigenas, deficiências imunológicas e outras doenças são largamente preveníveis. Sua perpetuação deliberada para o lucro das empresas do negócio da indústria farmacêutica é um crime.

Como resultado da prática dos negócios não éticos desta indústria, o número de vítimas deste modelo de negócio fraudulento ultrapassou um bilhão de pessoas e superou o número de vítimas de todas as guerras da humanidade no seu conjunto.

New EU Directives;; Novas Directivas Europeias; Europa; União Europeia


Sob o pretexto de combater o terrorismo, a mesma Comissão Europeia acaba de publicar uma directiva que irá transformar a Europa num "continente orwelliano". De acordo com esta directiva-UE, a partir de agora todos os números de telefone que você ligar, todos os endereços de email com quem entrar em contato serão armazenados. E não só você, mas de todos os 400 milhões de pessoas em toda a Europa. Não é difícil entender o que significam estas ferramentas nas mãos desses grupos de interesse que tantas vezes abusaram de seu poder no passado.

O nosso encontro acontece numa encruzilhada da história. Os líderes políticos dos países que mais exportam produtos farmacêuticos e petroquímicos, os EUA, Reino Unido, França e Alemanha já publicamente falaram sobre a Terceira Guerra Mundial e declararam a sua vontade de usar armas nucleares.

Na esteira de um holocausto nuclear, a que se seguiriam leis marciais numa escala global, os interesses corporativos que estiveram por trás da Segunda Guerra Mundial, poderiam abusar destes poderes mais uma vez.

No entanto, esses planos indizíveis só poderão ser materializados, se ficarem no escuro, se não falarmos abertamente sobre isso - e se ficarmos indiferentes.

Se estes planos forem trazidos para a luz do dia, eles já não poderão ser implementados. A partir de hoje, mesmo que uma guerra tão impensável seja iniciado em nome desses interesses, já não poderia ser ganha, porque o mundo inteiro iria apontar seus dedos contra eles.

Estamos aqui unidos, pois Auschwitz foi um símbolo de um dos maiores crimes da história da humanidade.

Ao nos entregarem o "revezamento da vida" (testemunho da vida), nós prometemos que não vamos descansar até Auschwitz tornar-se uma "porta de entrada para o futuro."

Auschwitz Key; Auschwitz; Key; World Peace: Chave; Paz; Europa; Mundo; Paz Mundial


Só se apontarmos os interesses corporativos por trás da Segunda Guerra Mundial será esta e as futuras gerações capazes de assegurar a paz no nosso planeta. Só se nós identificarmos o "negócio com a doença", com a nossa comida, com a energia fóssil como o maior obstáculo para um mundo melhor, seremos capazes de construir um mundo de paz, saúde e direitos humanos.

Como primeiro passo, vamos comprometer-nos na Constituição de uma "Europa para o povo e pelo povo"... de vocês, os sobreviventes de Auschwitz, os guardiões mais credíveis da memória do nosso tempo iremos usar o testemunho para construir uma Europa para as pessoas e pelas pessoas.


(Mantivemosos 3 óltimos parágrafos)
As a first step we will take the Constitution for a “ Europe for the People and By the People” from you, the survivors of Auschwitz , as the most credible guardians of memory of our time and use it to build a Europe for the people and by the people. 
With this “relay of life” that you give to us today, we now call upon everyone to join us, young and old, in East and West, people and organizations alike.
Join us to create a “movement of life” to carry the “relay of life” and the memory of Auschwitz and use it to build a world of health and lasting peace for all.


Com esse "revezamento de vida" que vocês nos dão hoje, agora chamamos a todos a se juntarem a nós, jovens e velhos, no Oriente e no Ocidente, as pessoas e organizações afins.

Juntem-se a nós para criar um "movimento da vida" para levar o "revezamento de vida" e a memória de Auschwitz e usá-lo para construir um mundo de saúde e paz duradoura para todos.

Relay of life org Auschwitz Speech

Write About Or Link To This Post On Your Blog - Easy Links :
Link Directly To This Post :

Link To The Homepage :

Sem comentários:

Enviar um comentário

Os comentários são livres, portanto não expressam necessariamente a opinião do blog.
Usem-no com sapiência, respeito com os demais e fiquem a vontade.
A Administração do Website

Revolta Total Global Democracia Real Já

Democracia Real Ya
Saiba Quem Manda nas Agências de Rating
Saiba Como Funcionam, a Quem Benificiam e Servem os Ratings das Agências de Notação Financeira; Conheça a Moody's

Occupy The Banks

Conheça Dívida Soberana das Nações e o Império do Fundo Monetário Internacional FMI

World Revolution For Real Democracy Now
Conheça os Estatutos do FMI; Direito Especial de Saque Incluido

Take The Square

Occupy Everything

Tomem as Praças
Saiba Porque não Falam na Islândia

Recent Posts

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...