... Julgo que depois destes malabarismos, os currículos das pessoas com funções políticas activas com o propósito de praticar o bem comum de uma nação, devem ser exigidos e publicados em Diário da Republica para qualquer cidadão poder consultar e certificar-se das habilitações de cada politico. Não deve ser uma opção, mas uma condição contemplada numa lei própria para o efeito, pois como sabemos, nenhum trabalhador é admitido numa função numa empresa, sem referências e/ou curriculo académico/profissional. será verdade que o PS está "calado" neste caso da licenciatura de M. Relvas porque o Irmão Maçon António Seguro dos Bancos (da Universidade Lusófona) foi um dos professores envolvido no processo?...

Revolução OWS Acampada Wall-Street: Protestos Indignados dos EUA Ignorados pela Comunicação Social! LiveStream TV



A população americana acampa nas cidades e a comunicação social esconde protestos que começaram em Wall Stree e alastram nos EUA.

Nos Estados Unidos da América as acampadas e os protestos espalham-se por todas as cidades como fogo em rastilho de polvora e a imprensa enterra a cabeça na areia. Nem RTP, nem SIC, nem TVI, nem Jornal de Notícias, nem Expresso, nem Diário de Noticias, nem I online, nem CNN, nem FOX, nem NBC, nem Globo... ninguém fala no assunto. Será que não têm jornalistas? Ou são pasquins com jonalistas de pacotilha?



Desde 17 de setembro, milhares de pessoas estão acampadas em Zucoti Park, uma praça próxima de Wall Street o principal centro financeiro do mundo capitalista, em Nova York. Os milhares de americanos indignados protestam contra o “1% de capitalistas ricaços especuladores dos EUA que exploram 99% da sociedade” e que são culpados pela grave crise econômica que abala o país desde 2008, gerando desemprego, despejos e miséria.

Revolução Americana Occupy Wall Street, Occupy Wall Street Facebook, Occupy, Wall, Street, Facebook, New York

O movimento batizado de Occupy Wall Street foi organizado pelo site Abdusters, convocado pelas redes sociais (twitter, Facebook, Tumblr, Blogger, Redit...) e teve como referência as revoltas na Islândia, em Espanha e no mundo árabe. Eles exigem que o governo de Barack Obama, tão covarde diante das elites, adote medidas mais duras de combate à especulação financeira, eleve os impostos da minoria abastada e invista em políticas de geração de emprego e renda. O significado da ocupação Diariamente, ocorrem assembléias, debates e atividades culturais. Artistas famosos, como o diretor de cinema Michael Moore e a atriz Susan Sarandon, já estiveram no local prestando solidariedade aos manifestantes. Várias lideranças políticas, religiosas e dos movimentos sociais também se revezam no local para dar apoio ao protesto, formado principalmente por jovens.

Intelectuais de renome, Noam Chomsky e Amy Goodman, produziram artigos sobre o significado deste inédito movimento Occupy Wall Street [Twitter hastags: #OccupyWallStreet (traduzido, ocupem Wall Street), #USDOR, #USDayOfRage (dia de Raiva dos EUA), #TakeWallStreet (tomem Wall Street), #Ows, #OurWallStreet (Wall Street é Nossa)].

“Wall Street e as instituições financeiras iniciaram o ciclo vicioso que levou a imensa concentração de riqueza e, com ela, também do poder político, em um pequeníssimo setor da população, uma fração de 1%. Ao mesmo tempo, o restante da população foi transformado no que às vezes é chamado de ‘precariado’ – lutando para sobreviver numa existência precária. Wall Street e as instituições financeiras também praticam com impunidade quase completa suas atividades nefastas: não só são ‘grandes demais para quebrar’; também são ‘grandes demais para ir pra cadeia’. Os corajosos e honrados protestos em curso em Wall Street devem chamar a atenção pública para essa calamidade”, escreveu Noam Chomsky.“Não queremos distúrbios” Apesar do significado do protesto, o prefeito de Nova York, o “republicano” Michael Bloomberg, oitavo homem mais rico dos EUA (fortuna calculada em US$ 20 bilhões), esbanja truculência. “Não queremos esse tipo de distúrbio aqui”, disse na semana passada. No sábado (24), acatando as suas ordens, a polícia investiu com violência contra os acampados, prendendo mais de 80 jovens e ferindo várias pessoas. Além da energia dos manifestantes e da truculência da polícia, chama atenção a atitude pusilânime da mídia. Como denuncia Amy Goodman, a maior parte da imprensa estadunidense simplesmente omite o protesto.
Violência policial Occupy Wall Street, Occupy Wall Street Facebook, Occupy, Wall, Street, Facebook, New York



 “Se 2 mil ativistas do grupo conservador Tea Party se manifestassem em Wall Street, provavelmente haveria a mesma quantidade de jornalistas cobrindo o acontecimento”.

Isto é a seletividade da imprensa corporativa colonizada pelo capital

Em portugal, Angola, Brasil,... a mídia colonizada segue o mesmo padrão “jornalístico” de pacotilha da ttreta. Não falando nada sobre a ocupação de Wall Street.

Se fosse um protesto em Caracas contra Hugo Chávez, a mídia burguesa faria o maior escarcéu. Seria manchete todos os dias.

A seletividade da mídia é algo realmente impressionante: omite o que não interessa ao capitalismo esclavagista e realça o que serve aos seus interesses políticos e econômicos, à sua visão de classe. E ainda há gente que acredita na imparcialidade e na neutralidade da chamada “grande imprensa”. GRANDE BOSTA

Occupy Wall Street Live Stream

Watch live streaming video from globalrevolution at livestream.com Occupy Wall Street TV Chanel

Dia de Raiva dos EUA Occupy Wall Street American Revolution Occupy Wall Street Los Angeles Global Revolution LIVE STREAM TV

Adbusters Facebook

Occupy Wall Street Facebook

Occupy Chicago Facebook

Write About Or Link To This Post On Your Blog - Easy Links :
Link Directly To This Post :

Link To The Homepage :

Sem comentários:

Enviar um comentário

Os comentários são livres, portanto não expressam necessariamente a opinião do blog.
Usem-no com sapiência, respeito com os demais e fiquem a vontade.
A Administração do Website

Revolta Total Global Democracia Real Já

Democracia Real Ya
Saiba Quem Manda nas Agências de Rating
Saiba Como Funcionam, a Quem Benificiam e Servem os Ratings das Agências de Notação Financeira; Conheça a Moody's

Occupy The Banks

Conheça Dívida Soberana das Nações e o Império do Fundo Monetário Internacional FMI

World Revolution For Real Democracy Now
Conheça os Estatutos do FMI; Direito Especial de Saque Incluido

Take The Square

Occupy Everything

Tomem as Praças
Saiba Porque não Falam na Islândia

Recent Posts

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...